Abrasip-MG promove XIII Seminário de Atualização Tecnológica

Abrasip-MG promove XIII Seminário de Atualização Tecnológica

O XIII Seminário de Atualização Tecnológica (SAT) reuniu no dia 28 de setembro, no Auditório do Crea-MG, cerca de 200 pessoas da área de arquitetura e engenharia para debater sobre as novas práticas e as soluções que podem contribuir para elevar a qualidade dos projetos. Promovido pela Associação Brasileira de Engenharia de Sistemas Prediais (Abrasip-MG), os profissionais também discutiram as transformações pelas quais o mercado vem passando.

Com o tema Inovações Tecnológicas em Sistemas Prediais, a 13º edição se destacou pelas palestras técnicas, que abrangem temas como “As novidades da NBR 5419/ 2015”, “As novas tecnologias de equipamentos com redução de consumo de água, torneiras e chuveiros”, “A Internet das Coisas e suas aplicações em edificações comerciais e residenciais, além de uma mesa redonda com fabricantes sobre “As patologias de Tubulações por Água Quente”, “Gestão do Processo de Projetos” e “Retrofit de sistemas sanitários e hidráulico e Parametrizações e Coordenações entre Proteções Elétricas por meio de recursos de seletividade lógica”.

De acordo com o presidente da Abrasip-MG, o engenheiro Rodrigo Cunha Trindade, o evento conseguiu envolver bastante a cadeia da construção, os construtores e projetistas. “A comissão organizadora conseguiu montar uma grade de palestras de alto nível e isso é muito importante para mantermos a qualidade nas edições”, destaca. Para ele, a Abrasip-MG, desde o primeiro ano do seminário, vem desenvolvendo o importante papel de levar informações aos seus associados e ao mercado. “O SAT permite o contínuo aprendizado dos colaboradores que integram o quadro dos associados, fazendo com que nossos serviços se diferenciem pela qualidade e as boas soluções tecnológicas”, afirma.

Trindade explica que o tema escolhido foi devido ao fato de que a sociedade cobra cada vez mais a aplicação da tecnologia nas edificações. Para o presidente da Abrasip-MG, as soluções oferecidas pela engenharia e arquitetura, hoje, precisam ser atraentes sob o ponto de vista financeiro e operacional, para que possam captar potenciais usuários. “Existem tecnologias que já são consolidadas nos negócios, como o uso de aquecedores solares, sistemas de segurança modernos e alguns recursos de automação e controle. Outras inovações caminham para ter uma aplicação mais intensa no setor da construção, como o uso da metodologia BIM para projetos, a energia solar fotovoltaica e a impressão 3D”, exemplifica.

Pedro Cézar, diretor da construtora Segenco, que acompanha o SAT há cinco anos, se diz satisfeito com as discussões e sempre se surpreende com a qualidade das palestras e suas implicações no dia a dia dos profissionais. “Mesmo que os temas não tenham relação direta com o meu trabalho, gosto de ter uma visão ampla do que está acontecendo no mercado. Estamos interligados e essa atualização é sempre bem-vinda para nossa compreensão, não somente técnica, mas social da profissão”, conta.

Para a recém-formada engenheira eletricista Raíssa Almeida, esses encontros são importantes para unir os profissionais, somar forças e trocar ideias. “Diante desse mercado tão desafiador e exigente quanto ao acompanhamento das transformações mercadológicas, é muito bom ver que as pessoas buscam aperfeiçoar os métodos de trabalho. Como entrei no mercado recentemente, tenho que buscar o diferencial”, diz. Ela, que está em seu primeiro ano no SAT, diz que quer voltar no próximo ano.

O estudante de engenharia civil Jonas Gonçalves mostra que nunca é cedo demais para buscar conhecimento. Ele enfatiza que, mesmo antes de formar, os alunos não devem se contentar somente com o que é ensinado na faculdade. “Além do estágio, sempre quero ficar atento aos assuntos que estão mais em voga na área. O SAT foi uma ótima experiência e pretendo me inscrever no ano que vem”, declarou.

Warley Mendes, sócio-proprietário da LUX Indústria e Comércio de Materiais Elétricos e apoiador do SAT, enfatiza que é através de eventos como esse que as pessoas enriquecem a network, fortalecem a imagem institucional, além de terem uma ampla troca de informações e experiências num curto período de tempo. “Já estive presente em outras edições expondo meus produtos e posso afirmar que essa é a melhor hora para as empresas ofertarem boas ideias e que demonstrem ao cliente a confiabilidade, principalmente no contexto de instabilidade econômica. A atualização dos conhecimentos é o melhor caminho para isso”, afirma.

Sobre os temas:

  • As principais mudanças da nova norma NBR5419/2015

O engenheiro civil Normando Virgílio Borges Alves, da Termotécnica Para-Raios, apresentou as principais mudanças da nova norma NBR5419/2015 – Proteção contra Descargas Atmosféricas. Foi destacado as novas exigências da nova norma e alguns cuidados que devem ser tomados na elaboração dos novos projetos de proteção.

Ele mostrou como essas mudanças irão impactar no novo modo de se projetar a proteção contra descargas atmosféricas e seus efeitos indiretos nas instalações e equipamentos sensíveis.

  • Proteções Elétricas em Média Tensão nas Arenas Olímpicas – Rio 2016

O engenheiro eletricista e civil Carlos Alexandre de Freitas Jorge e o projetista de Sistemas Elétricos e Eletrônicos Leonardo Henrique Santos, da Lumens Engenharia, descreveram os principais conceitos, procedimentos e desafios para dimensionar os sistemas de proteção em média tensão do parque olímpico da Barra da Tijuca – Rio 2016.

  • A internet das coisas e seus impactos em projetos residenciais e corporativos

O engenheiro de automação Gabriel Peixoto Ubirajara, da Neocontrol, apresentou arquiteturas dos sistemas baseados na “Internet das Coisa” e demonstrou soluções já adotadas na área habitacional. Foram discutidas algumas boas práticas para adequação de projetos elétricos para receber essas novas tecnologias.

  • Nova solução hidrossanitária SANITRIT

Xavier Desrousseaux e Gildásio Ferreira da Silva, da SFA Brasil Equipamentos Sanitários Ltda. Apresentaram trituradores sanitários e estações elevatórias compactas para instalar banheiros ou pias de cozinha onde quiser, sem escavação no piso.

  • Tecnologias aplicadas ao projeto e instalação: aplicações específicas e redução de consumo de água

O engenheiro mecânico Ricardo Rosa Otharan, gerente de Tecnologia na Docol Metais Sanitários, apresentou e discutiu os diversos tipos de registros, módulos e bases para chuveiro, incluindo novas soluções recentemente desenvolvidas, para que o projetista tenha em mãos, do ponto de vista qualitativo e econômico, as opções mais adequadas para seu projeto. Ele mostrou diversas soluções economizadoras de água, como torneiras automáticas, sistemas de descarga e registros reguladores, além de produtos anti-vandalismo – com vista a equipar os projetos com soluções de maior eficiência e segurança.

  • Patologias em tubulações por Água Quente

Moderada pelo engenheiro Rodrigo Cunha Trindade, a palestra com os fornecedores da Eluma, PPR: Amanco, CPVC: Tigre, Galvanizado: Tupy, PEX: Barbi do Brasil levou ao público esclarecimentos sobre o mercado de tubulações de água quente e também recomendações para evitar alguns problemas nos projetos e obras.

  • Gestão do processo de projeto para a garantia do desempenho: escopos de contratação e mecanismos de coordenação

Paulo Roberto Pereira Andery, doutor em engenharia e Patrícia Elizabeth Ferreira Gomes Barbosa, arquiteta e mestre em construção civil, apresentaram os novos desafios e exigências do processo de projeto para garantia do desempenho de edificações habitacionais, os conceitos de integração de projetos, as perspectivas de contratação e coordenação do processo integrado e as mudanças no mercado imobiliário, o escopo de contratação de projetos e as potenciais mudanças sobre as exigências  dos órgãos de financiamento e sistemas de gestão da qualidade.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

©2019 Todos os direitos reservados - ABRASIP-MG por Melt Comunicação

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?

%d blogueiros gostam disto: