Comissão BIM

Criada em novembro de 2018, a Comissão BIM tem o objetivo de informar e orientar os associados da Abrasip-MG sobre os conceitos, questões técnicas, comerciais, ações e tendências no desenvolvimento de projetos de engenharia de sistemas prediais utilizando as ferramentas BIM. Os engenheiros Carlos Alexandre, da LUMENS Engenharia, Gustavo Campolina, da NC2 Engenharia, Thais Ribeiro, da Themã Engenharia Projetos e Sistemas Ltda, Weber Carvalho, da Projelet ECOM, Anielo Camarano, da Suporte Projetos de Engenharia e Fabrício Lima, da Eficácia Projetos e Consultoria estão à frente do grupo.

 

Carlos Alexandre destaca algumas conquistas da Comissão BIM. “Criamos um “alerta” para que os associados tenham conhecimento sobre a elaboração de projetos em BIM, seguindo as recomendações normativas e organizacionais para a obtenção de ganhos efetivos na utilização do sistema; apresentamos condições comerciais para a aquisição de softwares BIM e divulgamos para os associados o cronograma de eventos sobre o assunto em 2019. Além disso, a Comissão BIM está apoiando a 2° edição do SeBIM MG, no dia 26 de junho, com o tema “BIM na construção 4.0 – onde estamos e aonde queremos chegar”.

 

Para Carlos Alexandre, é imprescindível que os associados e o mercado saibam sobre a importância da Comissão BIM, uma vez que trata de assuntos relevantes para o segmento e sociedade geral. “Atendemos às demandas e expectativas dos associados em relação ao BIM; falamos sobre os movimentos do Poder Público e o seu estabelecimento de decretos e legislações regulamentando ou exigindo o uso de BIM em trabalhos para o setor; divulgamos e discutimos a evolução dos trabalhos em BIM no meio acadêmico e sinalizamos abordagens da ferramenta que sejam interessantes para o mercado”.

 

Atualmente, de acordo com Carlos Alexandre, a Comissão BIM está realizando as seguintes ações: “uma pesquisa com os associados, escritórios e clientes para identificar onde a engenharia está e quais as expectativas com relação ao uso do BIM; participação em eventos acadêmicos e de mercado sobre o BIM, visando a integração com o segmento e o amadurecimento das informações; levantando custos de implantação do BIM nas empresas; identificando escopos já exigidos para projetos em BIM por clientes diversos e mapeando os estágios de evolução do BIM em outras associações, como a ASBEA e a ABECE, por exemplo”, enumera.

 

Para os próximos anos, Carlos Alexandre destaca algumas expectativas: “Espero que a Comissão BIM cumpra efetivamente os seus objetivos para contribuir com os associados e com o mercado no desenvolvimento e amadurecimento de implantação dessa nova plataforma de trabalho nas empresas de engenharia”, finaliza.

 

 

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

©2019 Todos os direitos reservados - ABRASIP-MG por Melt Comunicação

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?

%d blogueiros gostam disto: